O astro Willem Dafoe é destaque no filme brasileiro Meu Amigo Hindu de Hector Babenco

Dafoe Meu Amigo Hindu

O cineasta argentino radicado no Brasil, Hector Babenco, de Pixote e Brincando nos Campos do Senhor, decidiu transformar seu drama pessoal num filme ambicioso para o público mundial. O filme rodado em inglês, tem como protagonista, o astro de Hollywood, Willem Dafoe, de Grande Hotel Budapeste e A Culpa é das Estrelas, representando o próprio Babenco. A maioria do elenco é composta de brasileiros, como as atrizes Maria Fernanda Cândido e Bárbara Paz, esposa do cineasta na vida real, que atua como uma versão romantizada dela mesma. Os atores Reynaldo Gianecchini e Selton Mello completam o elenco principal. O filme retrata a vida do cineasta Diego, depois de ser diagnosticado com câncer. Suas reações, relações amorosas, mudanças de comportamento e de prioridades. Diante de uma simbólica disputa de xadrez com a morte, numa cena que remete ao clássico O Sétimo Selo (1957), de Ingmar Bergman, o protagonista pede mais tempo de vida para poder realizar seu filme. Realizar também seus desejos e ansiedades, com a ajuda daqueles que estão ao seu redor.

Apesar de retratar momentos de sua vida, Babenco rejeita a ideia de que o filme seja sua biografia. A temática e a abordagem do filme lembram o trabalho recente do escritor Raimundo Carrero, o livro O Senhor Agora Vai Mudar de Corpo (2015) que trata de situações biográficas, em versão ficcional. Meu Amigo Hindu foi filmado no Brasil, apesar disso, foi gravado em inglês. Questionado sobre os motivos para fazer o filme em inglês, o diretor defende que não vê isso como um problema. O lançamento do filme no Brasil teve cópias originais em inglês e também dubladas em português. Os mesmos atores e atrizes dublaram suas vozes para o português, enquanto Dafoe foi dublado pelo ator Marco Ricca. O ator norte americano Willem Dafoe retornou ao país para participar das coletivas de imprensa de divulgação do filme. Entretanto, o famoso ator foi ofuscado pelo Babenco, a quem foi dirigida a maioria das perguntas dos jornalistas. O filme, que estréia em março, em diversas salas por todo o país, teve uma exibição prévia na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, no ano passado. Sem rodar um longa desde 2007, quando lançou O Passado, devido a dificuldades com burocracia, editais e patrocínios, talvez Meu Amigo Hindu seja o último filme do cineasta. Seu epitáfio cinematográfico. Uma história de vida e superação que merece ser apreciada pelo público.

Anúncios

Publicado em 4 de março de 2016, em Cine Express e marcado como , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Vendas Digitais

Curta, compartilhe e deixe seu e-mail

Contos Noturnos

Contos da amante noturna

Ste

Aqui você vai encontrar sobre um pouco de tudo, principalmente livros. Conte com nossa sincera opinião sobre os livros, as séries e os filmes resenhados e citados.

Pão de Canela e Prosa

Onde as palavras têm sabor

marisbookshop

pensamentos de uma jovem.

Cara de Cotia

Meio divertida, por vezes filosófica, sempre confusa!

Meuus Fatos

literatura, resenhas , textos escritos por mim é indicações de livros.

Reclusidades Diárias

Esses são os meus olhos e com eles eu vejo o mundo. Quer ver comigo?

Eu, nós dois e todo mundo

Sobre amor e falta dele, otimismo, utopia e desconforto. Uma caricatura de pós-moderno em um mundo todo louco.

TraduQ

ideias e escritos traduzindo-nos

Desajustado

As (des)vantagens de ser!

%d blogueiros gostam disto: