Dez Mandamentos da Record alcança a marca da Quarta Maior Bilheteria Brasileira da História

Dez Mandamentos Record

O sucesso do filme Os Dez Mandamentos – O Filme (2015) nas bilheterias brasileiras continua surpreendendo e batendo recordes. Em pouco mais de um mês, o filme produzido pela Rede Record conquistou a quarta colocação na lista das maiores bilheterias da história do cinema nacional, sendo a segunda maior desde a fase conhecida como Retomada. Adaptado da novela de maior sucesso de audiência da emissora, com 176 capítulos, Os Dez Mandamentos é uma versão condensada da novela, com cerca de 2 horas duração. Com números impressionantes, o filme deixou para trás sucessos internacionais em telas tupiniquins como Star Wars – O Despertar da Força, Kung Fu Panda 3, Deadpool e a comédia nacional Até Que a Sorte Nos Separe 3. O filme da Record foi lançado em 1.100 salas, com mais de 3,2 milhões de ingressos comprados em 27 dias de pré-venda. Um recorde absoluto.

Como consequência do sucesso, a Rede Record organizou um departamento para desenvolver futuras produções e para quem gostou do filme, a emissora prepara uma nova temporada da novela Dez Mandamentos, prevista para abril. A atriz Francisca Queiroz foi escalada para atuar como a Rainha Elda, ambiciosa e arrogante, num papel inspirado na Rainha Cersei Lannister, papel de Lena Headey, na série de sucesso da HBO, Game of Thrones. Enquanto isso, as distribuidoras de cinema preparam para lançar vários filmes religiosos no mercado brasileiro, como Ressurreição, Nos Passos do Mestre, O Jovem Messias, Deus Não Está Morto 2 e Milagres do Paraíso, com estreias prevista até o mês de abril.

Conheça as maiores bilheterias da história do cinema nacional, em ingressos vendidos:

  1. Tropa de Elite 2 (2010) – 11,2 milhões;
  2. Dona Flor e Seus Dois Maridos (1976) – 10,7 milhões;
  3. A Dama da Lotação (1978) – 6,5 milhões;
  4. Os Dez Mandamentos – O Filme (2016) – 6,3 milhões;
  5. Se Eu Fosse Você 2 (2009) – 6,1 milhões;
  6. O Trapalhão nas Minas do Rei Salomão (1977) – 5,7 milhões;
  7. Lúcio Flávio, o Passageiro da Agonia (1977) – 5,4 milhões;
  8. 2 Filhos de Francisco (2005) – 5,3 milhões;
  9. Os Saltimbancos Trapalhões (1981) – 5,2 milhões;
  10. Os Trapalhões na Guerra dos Planetas (1978) – 5,0 milhões.

Saiba mais sobre Os Dez Mandamentos (2015):

O estranho sucesso de Os Dez Mandamentos nos cinemas brasileiros

Com ajuda da Igreja Universal, filme Os Dez Mandamentos bate recorde antes da estréia

Anúncios

Publicado em 25 de fevereiro de 2016, em Bilheteria e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Suki na Ongaku

Blog com letras de minhas músicas japonesas preferidas

Roberto Luiz Ribeiro

Poesia alternativa-marginal-independente e gratuita

A Taverna

Histórias fantásticas e Dicas de Escrita!

Don Silvio

Comentando

Priscila.T.Therese Official

"we are lifelong learners " Nós somos eternos aprendizes "

enjuadinha

Momentos da vida

Livros do Coração

Resenhas de livros, filmes, teatro e cultura em geral

felicisses.wordpress.com/

Compartilhando coisas legais!

Entre nos Mundos

Compartilhando as minhas visitas em outros mundos.

Just One More

Café, Livros, Estudos e Mundo

Uma borboleta leitora

Como borboletas, voamos pelas páginas dos livros...

Liberte-se.

Meu nome é Hellen, tenho 18 anos e aqui escrevo sobre coisas que me interessam.

Emilly Vass

Blog Literário

Literatura Doccar

Blog Literário

Auê Cultural

A casa de todos, de todas as tribos

Vendas Digitais

Curta, compartilhe e deixe seu e-mail

Contos Noturnos

Contos da amante noturna

%d blogueiros gostam disto: