Mil Rosas Roubadas de Silviano Santiago é o grande vencedor do prêmio Oceanos 2015

Mil Rosas Roubadas

Mistura de realidade e ficção, o romance que retrata uma amizade, ao longo de décadas, entre um produtor cultural e um professor de História, conquista o prêmio Oceanos 2015. O livro Mil Rosas Roubadas, de Silviano Santiago, publicado pela Companhia das Letras, venceu 13 outros romances. Entre eles, o mais novo e destacado romance de Chico Buarque, O Irmão Alemão, o romance português A Desumanização, de Valter Hugo Mãe, e O Homem Mulher, de Sérgio Sant’Anna. O livro vencedor retrata a amizade real entre o próprio autor e o amigo, o crítico e produtor musical Ezequiel Neves (1935-2010), retratado na obra como Zeca. O autor mescla com habilidade romance e biografia, prosa e poesia, memória e criação para homenagear a longa amizade que começou por acaso, quando dois jovens aguardavam um bonde em 1952, em Belo Horizonte. Santiago revelou em entrevista ao jornal Estado de São Paulo que sentia-se mais a vontade em escrever como romance do que ficar amarrado aos limites da biografia. Abrir sua vida íntima e sua longa amizade em um romance rendeu o grande prêmio literário. O autor também recebeu com a honraria, o prêmio em dinheiro de R$ 100 mil. Os demais vencedores foram o romance Por Escrito, de Elvira Vigna, em segundo lugar, A Primeira História do Mundo, de Alberto Mussa, em terceiro e o livro de poesia Sacola de Feira, de Glauco Mattoso, em quarto lugar.

Confira a relação completa de títulos que concorreram ao prêmio:

A Calma dos Dias, de Rodrigo Naves (Companhia das Letras) – Conto;
A Desumanização, de Valter Hugo Mãe (Cosac&Naify) – Romance Português;
A Primeira História do Mundo, de Alberto Mussa (Record) – Romance;
Dez Centímetros Acima do Chão, de Flávio Cafieiro (Cosac&Naify) – Conto;
Mil Rosas Roubadas, de Silviano Santiago (Companhia das Letras) – Romance;
O Homem-Mulher, de Sérgio Sant’Anna (Companhia das Letras) – Conto;
Ondas Curtas, de Alcides Villaça (Cosac&Naify) – Poesia;
O Irmão Alemão, de Chico Buarque (Companhia das Letras) – Romance;
Por Escrito, de Elvira Vigna (Companhia das Letras) – Romance;
Querer Falar, de Luci Collin (7 letras) – Poesia;
Sacola de Feira, de Glauco Mattoso (NVersos) – Poesia;
Tempo de Espalhar Pedras, de Estevão Azevedo (Cosac&Naify) – Romance;
Totem, de André Valias (Cultura e Barbárie) – Poesia;
Um Teste de Resistores, de Marilia Garcia (7 Letras) – Poesia.

Publicado em 14 de dezembro de 2015, em Caracteres e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

The WordPress.com Blog

The latest news on WordPress.com and the WordPress community.

O Tudo

Para conhecer diversas curiosidades sobre tudo

Suki na Ongaku

Blog com letras de minhas músicas japonesas preferidas

Roberto Luiz Ribeiro

Poesia alternativa-marginal-independente e gratuita

A Taverna

Histórias fantásticas e Dicas de Escrita!

Don Silvio

Comentando

Codéx Secreto Blog

"we are lifelong learners " Nós somos eternos aprendizes "

enjuadinha

Momentos da vida

Livros do Coração

Resenhas de livros, filmes, teatro e cultura em geral

felicisses.wordpress.com/

UM POUCO SOBRE LIVROS, FILMES, SÉRIES E ASSUNTOS ALEATÓRIOS

Uma borboleta leitora

Como borboletas, voamos pelas páginas dos livros...

Liberte-se.

Meu nome é Hellen, tenho 18 anos e aqui escrevo sobre coisas que me interessam.

Emilly Vass

Blog Literário

Literatura Doccar

Blog Literário

Auê Cultural

A casa de todos, de todas as tribos

Contos Noturnos

Contos da amante noturna

%d blogueiros gostam disto: