Amazon inova com decisão de pagar autores independentes para cada página lida

Amazon Kindle

A gigante do varejo online, Amazon.com, decide fazer alterações, a partir de 01 de julho, na forma de pagamento aos autores independentes que publicam suas obras através do serviço Kindle Direct Publishing, a plataforma de autopublicação da empresa norte americana. Na nova modalidade, chamada Kindle Unlimited Pages Read, os autores serão remunerados para cada página lida, ao invés de receberem pelo número de vezes em que os livros são baixados. A nova modalidade de remuneração será considerada para todos os livros eletrônicos (e-books) acessados através do serviço Kindle Unlimited, em que os assinantes podem ter acesso aos livros que quiserem, por uma mensalidade de dez dólares, e também no serviço de empréstimo, liberado aos assinantes do Amazon Prime que podem ler livros nos leitores Kindle, por um período limitado de tempo, sem terem de comprar a obra.

Naturalmente, não é possível prever o efeito que tal medida afetará o mercado literário. Sabe-se que uma medida como essa, tomada por um dos maiores varejistas do mercado de livros eletrônicos, pode influenciar as práticas do mercado adotadas por concorrentes como o Google, a Apple, demais livrarias e editoras. A medida também pode influenciar a própria arte literária. Os autores podem começar a escrever obras mais longas e buscar aprimorar a qualidade em cada uma de suas páginas para manter o leitor seduzido. A medida também pode ter o efeito da produção de histórias mais maçantes e esticadas. Seria como escrever os capítulos de uma novela de televisão, com o autor preocupado em manter a audiência. Isso vai estimular a criação de histórias com mais violência, sexualidade e suspense e abordagem de temas polêmicos com o objetivo de chocar o leitor. A nova metodologia será adotada pela empresa em resposta as sucessivas críticas que a Amazon recebeu dos autores de livros mais longos. Numa estimativa da Amazon, o autor de um livro de 100 páginas, lido cem vezes, receberia mil dólares de direitos autorais.

E não adianta o autor agir como espertinho e aumentar o tamanho da fonte ou espaçamento das linhas de seus textos. Os e-books publicados pela Amazon não possuem o conceito de páginas fixas. O sistema de controle do Kindle torna padrão diversas configurações, como o tamanho da página, margens, tipo de letra e o espaçamento entre linhas. Portanto, as páginas são consideradas a partir de blocos de conteúdo. As medições padrão da editora manterá o quantitativo final de páginas de uma obra, independe de eventuais configurações adotadas pelo autor. Não é a primeira vez que a Amazon sacode o mercado editorial. O próprio surgimento da empresa que se tornou uma gigante do varejo de comércio eletrônico foi um marco na história da Internet e revolucionou o comércio de livros físicos e eletrônicos no mundo. Cada grande mudança adotada pela Amazon tem efeitos em todo o mercado e a concorrência, mesmo sendo contrária, termina adotando as mesmas práticas para não perderem terreno.

Anúncios

Publicado em 30 de junho de 2015, em Caracteres e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Suki na Ongaku

Blog com letras de minhas músicas japonesas preferidas

Roberto Luiz Ribeiro

Poesia alternativa-marginal-independente e gratuita

A Taverna

Ficção Especulativa Brasileira e Dicas de Escrita!

Don Silvio

Comentando

Priscila.T.Therese Official

"we are lifelong learners " Nós somos eternos aprendizes "

enjuadinha

Momentos da vida

Livros do Coração

Resenhas de livros, filmes, teatro e cultura em geral

Entre nos Mundos

Compartilhando as minhas visitas em outros mundos.

Just One More

Café, Livros, Estudos e Mundo

Uma borboleta leitora

Como borboletas, voamos pelas páginas dos livros...

Liberte-se.

Meu nome é Hellen, tenho 18 anos e aqui escrevo sobre coisas que me interessam.

Emilly Vass

Blog Literário

Literatura Doccar

Blog Literário

Auê Cultural

A casa de todos, de todas as tribos

Vendas Digitais

Curta, compartilhe e deixe seu e-mail

Contos Noturnos

Contos da amante noturna

%d blogueiros gostam disto: