DC Comics anuncia retorno de Frank Miller em Cavaleiro das Trevas 3

dk3

Quando se fala em Cavaleiro das Trevas (The Dark Knight Returns), quadrinhos publicados pela editora norte-americana, DC Comics em 1986, com roteiro e desenho do mestre Frank Miller , sabe-se que a obra foi um marco para os quadrinhos, para o gênero de super heróis e para o personagem Batman, consolidando o estilo de abordagem mais sombria e psicológica. Tais nuances nunca antes foram abordadas em tramas de quadrinhos como ocorreram em Cavaleiro das Trevas. Por isso, é uma obra seminal que ganha o respeito de leitores de qualquer geração. O próprio diretor Christopher Nolan, ao lançar o segundo filme do Batman, escolheu como título, Batman – Cavaleiro das Trevas (Dark Knight, 2008), em clara referência a obra de Frank Miller que tanto influenciou os filmes de Nolan. Apesar do roteiro desse filme não seguir a HQ de Miller. Por outro lado, a série Batman – Ano Um (1987), com roteiro também de Miller e desenhos de David Mazzucchelli, influenciou o primeiro filme de Nolan com o herói, Batman Begins (2005), tanto na trama como no visual.

Por isso, a notícia da DC Comics em lançar Cavaleiro das Trevas III – A Raça Superior (Dark Knight – The Master Race, 2015) causou grande repercussão na mídia e expectativa entre os fãs do homem morcego. Miller provou ser um genial autor de quadrinhos. Um divisor de águas na Indústria. Além dos trabalhos citados, Miller realizou grandes obras como suas passagens pelo Demolidor, da rival Marvel. Em especial, a saga conhecida como A Queda de Murdock. Outros trabalhos como Sin City e 300, foram tão importantes e impactantes, que ganharam suas versões para as telas. O artista ainda fez sucesso em títulos como Eu, Wolverine (1982), Ronin (1986), Elektra Assassina (1986) e Homem Sem Medo (1993), as duas últimas também ligadas ao Demolidor.

Mas nem tudo que Miller toca vira ouro. Por exemplo, a alardeada continuação Cavaleiro das Trevas II (The Dark Knight Strikes Again, 2001) é considerada por muitos, um lixo de péssima qualidade, seja entre críticos e fãs. Os roteiros de Miller para Robocop 2 (1990) e Robocop 3 (1993) foram constrangedores. Miller roteirizou e dirigiu The Spirit (2008), inspirado no personagem de outro grande mestre dos quadrinhos, Will Eisner, mas foi outro fiasco de crítica e bilheteria. Pelo menos, Miller se saiu um pouco melhor dirigindo ao lado de Roberto Rodrigues, Sin City – A Dama Fatal (2014). Porém, com pouca repercussão. Sem dúvida, Miller precisa continuar Cavaleiro das Trevas para chamar a atenção da mídia e voltar a ter prestígio como artista.

Enquanto isso, a DC Comics vem de uma série de reformulações em suas séries de quadrinhos, desde a clássica e impactante saga Crise nas Infinitas Terras (1986). Sofrendo reveses de sua grande rival, a Marvel Comics, a DC se envolveu no que poderia ser uma “crise nas infinitas crises”, reformulando conceitos, revistas e personagens para retomar a liderança do mercado, sem grande sucesso. A exceção são seus ícones Batman e Superman. Anos atrás, outra reformulação gerou Os Novos 52 que, por um tempo, resgatou leitores e alavancou vendas, mas começaram a perder a força gradualmente. A editora agora inventou a nova da nova da nova reformulação, numa busca desesperada para recuperar o sucesso de outrora, mas sem garantias de conseguir seus objetivos. Pra piorar, a DC Comics não soube trabalhar seus personagens no cinema da mesma forma que a Marvel, ganhando cada vez mais público e bilheteria a cada filme. A exceção novamente recai em Batman e Superman. Por isso, a editora precisa resgatar seus medalhões. Nada melhor do que relançar Frank Miller e seu Cavaleiro das Trevas III. E quando a editora pensa em lançar um novo filme nos cinemas, adivinhe o título, será o Batman Vs Superman.

Anúncios

Publicado em 26 de abril de 2015, em QG HQ e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Suki na Ongaku

Blog com letras de minhas músicas japonesas preferidas

Roberto Luiz Ribeiro

Poesia alternativa-marginal-independente e gratuita

A Taverna

Histórias fantásticas e Dicas de Escrita!

Don Silvio

Comentando

Priscila.T.Therese Official

"we are lifelong learners " Nós somos eternos aprendizes "

enjuadinha

Momentos da vida

Livros do Coração

Resenhas de livros, filmes, teatro e cultura em geral

felicisses.wordpress.com/

Compartilhando coisas legais!

Entre nos Mundos

Compartilhando as minhas visitas em outros mundos.

Just One More

Café, Livros, Estudos e Mundo

Uma borboleta leitora

Como borboletas, voamos pelas páginas dos livros...

Liberte-se.

Meu nome é Hellen, tenho 18 anos e aqui escrevo sobre coisas que me interessam.

Emilly Vass

Blog Literário

Literatura Doccar

Blog Literário

Auê Cultural

A casa de todos, de todas as tribos

Vendas Digitais

Curta, compartilhe e deixe seu e-mail

Contos Noturnos

Contos da amante noturna

%d blogueiros gostam disto: