Melhores Livros com Protagonistas Femininas Marcantes

Brumas de Avalon

Rainhas, guerreiras, senhoras, casadas, solteiras, aventureiras, jovens ingênuas. Conheça os melhores livros com protagonistas femininas. Os links são para as fichas dos livros no site de literatura, Skoob.

01 – As Brumas de Avalon (1979) – de Marion Zimmer Bradley, escritora inglesa. A história do Rei Arthur pela ótica das mulheres. Em especial, a relação conflituosa do Rei com a meia irmã Morgana Le Fay. Uma saga em quatro volumes, transformada numa mini-série de sucesso na televisão.

02 – Anna Karenina (1877) – de Liev Tolstói, escritor russo. Uma paixão proibida nasce de um simples olhar e caminha gradualmente para um desfecho impactante. Conflitos de uma relação corroída e outra idealizada e oprimida pela sociedade. Ganhou diversas adaptações para o cinema.

03 – O Diário de Anne Frank (1947) – de Annelies Marie Frank, escritora alemã. A história autobiográfica de uma jovem alemã de origem judaica que se refugia com a família em Amsterdã para escapar dos horrores do nazismo. Mas o destino é implacável e sua história torna-se conhecida apenas quando os escritos dela são encontrados e publicados como livro. Ganhou diversas adaptações para o cinema.

04 – O Mundo de Sofia (1991) – de Jostein Gaarder, escritor noroeguês. A trama inusitada funciona tanto como romance, como um guia básico sobre a história e evolução da filosofia. Perto de completar 15 anos, a jovem Sofia Amundsen começa a receber mensagens anônimas que a conduzem para uma extraordinária aventura pelo mundo da filosofia. Adaptado para uma série de TV européia de sucesso.

05 – E o Vento Levou (1936) – de Margaret Mitchell, escritora norte americana. A jovem mimada Scarlett O’Hara, de uma família sulista poderosa, perde toda a riqueza, luxo e conforto como consequência da Guerra da Secessão que divide o norte e o sul dos Estados Unidos. Livro vencedor do prêmio Pulitzer de 1937 que transforma-se num clássico do cinema de grande sucesso.

06 – Alice no Pais das Maravilhas (1865) – de Charles Lutwidge Dodgson, publicou sob pseudônimo de Lewis Carroll. Escritor inglês. Alice é uma garota corajosa que durante um passeio observa espantada a passagem de um coelho aristocrata. Ao perseguir o coelho, ela chega ao pais das maravilhas, num misto de sonho e pesadelo. O autor usa da simbologia e da fantasia para criticar a sociedade de sua época. O livro tornou-se um desenho clássico e foi adaptado como um filme de fantasia de grande sucesso.

07 – Gabriela – Cravo e Canela (1958) – de Jorge Amado, escritor brasileiro. Gabriela é uma jovem que transita na sociedade cacaueira da pacata Ilhéus na Bahia, entre coronéis, jagunços, prostitutas e trambiqueiros. Desperta a paixão no árabe Nacib, a inveja das mulheres e a cobiça dos homens da cidade. O livro conquistou diversos prêmios e um sucesso instantâneo. A trama foi adaptada como novela e mini-série na TV. No cinema, fez a fama da jovem atriz Sônia Braga, nos ano 70.

08 – Lolita (1955) – de Vladimir Nabokov, escritor russo. O professor de Literatura Humbert Humbert, fica obcecado por Dolores Haze de 12 anos, com quem ele se envolve sexualmente depois de se tornar seu padrasto. Romance polêmico que recebeu duas importantes adaptações para as telas. Uma delas dirigida por Stanley Kubrick.

09 – Orgulho e Preconceito (1813) – de Jane Austen, escritora britânica. Elizabeth Bennet é uma jovem que lida com os problemas relacionados à educação, cultura, moral e casamento na sociedade aristocrática do início do século XIX, na Inglaterra, com um olhar a frente de seu tempo. O que explica o fascínio dos leitores contemporâneos sobre a obra que foi adaptada para as telas diversas vezes.

10 – A Cor Púrpura (1982) – de Alice Walker, escritora norte americana. A comovente história de uma negra, Celie. Reprimida por todos os lados, analfabeta, ignorante e covarde. Na mundo racista do sul dos Estados Unidos do início do século passado. A Cor Púrpura é um romance feminista sobre a força e dignidade do espírito humano. Alice Walker foi vencedora do Prêmio Pulitzer em 1983 e o livro foi adaptado com sucesso para as telas, alavancando a carreira da atriz Whoopi Goldberg.

11 – Princesa Sultana (1992) – de Jean P. Sasson, escritora norte americana, com base nos relatos de uma nobre árabe que se esconde sob o pseudônimo de Princesa Sultana Al Saud.  Os nomes dos personagens foram trocados, mas os acontecimentos são reais e revelam as atrocidades cometidas contra as mulheres sob o olhar complacente do clero e das autoridades políticas da Arábia Saudita. O livro abre uma trilogia.

12 – Madame Bovary (1857) – de Gustave Flaubert, escritor francês. Considerado pioneiro entre os romances realistas, o livro provocou escândalo quando foi lançado, resultando também em grande sucesso de vendas. O próprio escritor foi levado ao tribunal e julgado por ofender a moral e os costumes de sua época, por tratar de temas como adultério, e por suas críticas ao clero e à burguesia. O livro narra a vida de Emma, uma moça criada no campo, mas com sonhos burgueses. Por isso se casa com Charles Bovary, um médico apaixonado por ela. Mas Emma procura outros homens para alimentar seus desejos. Ganhou diversas adaptações para o cinema.

13 – As Crônicas de Gelo e Fogo (1996) – de George R. R. Martin, escritor norte americano. O que seria uma trilogia, tornou-se uma saga prevista, por enquanto, para sete livros. Um reino de fantasia que retrata, de forma realística, as relações de poder entre famílias conflituosas como se a trama fosse ambientada na Idade Média. Com diversos personagens fortes e marcantes, mesmo entre homens e mulheres, tem como uma das protagonistas, a jovem e inexperiente pretendente ao Trono de Ferro, Daenerys Stormborn, da família Targaryen. Foi adaptado como uma série de TV de sucesso, produzida pelo canal pago, HBO.

14 – Os Homens que Não Amavam as Mulheres (2005) – de Stieg Larsson, escritor sueco. Primeiro volume da trilogia Millennium. O tema da violência sexual contra as mulheres nos seus livros deve-se ao fato de que Larsson, enojado, testemunhou o estupro coletivo de uma jovem quando ele tinha 15 anos. O autor nunca se perdoou por não ajudar a garota, cujo nome era Lisbeth. A personagem do livro, Lisbeth Salander, começa como coadjuvante, utilizando seus talentos de hacker para ajudar o jornalista Mikael Blomkvist a investigar um crime misterioso ocorrido décadas antes. Salander logo se envolve numa trama mais complexa e assume como protagonista da história. A trilogia de livros foi adaptada em três filmes suecos. Despertou a atenção de Hollywood que realizou um filme do primeiro livro.

15 – Jogos Vorazes (2008) – de Suzanne Collins, escritora norte americana. Primeiro livro de uma trilogia. Num cenário distópico, os Estados Unidos foi desmembrado em alguns países. A jovem de dezesseis anos, Katniss Everdeen, vive em um país distópico chamado Panem. O pais é controlado pela Capital que realiza anualmente os Jogos Vorazes, onde jovens representantes de cada distrito são forçados a participar de uma batalha televisionada em uma arena para lutarem até a morte. Apenas um poderá ser o vencedor. O livro foi adaptado com sucesso para as telas.

16 – O Mágico de Oz (1900) – de L. Frank Baum, escritor norte americano. Uma série de 14 livros. Dorothy Gale e seu cachorro Totó foram arrastados por um ciclone na fazenda dos tios, em Kansas, para cair na imaginária Terra de Oz. Dorothy, depois de viver várias aventuras na companhia do Leão Covarde, do Homem de Lata e do Espantalho, finalmente encontra o Mágico de Oz, que os ajudou a resolver seus problemas, apesar do mágico não ser exatamente um feiticeiro, como ele divulga. Foi adaptado para as telas e tornou-se um clássico do cinema.

17 – Eu, Christiane F – 13 Anos, Drogada, Prostituída (1978) – de Christiane Vera Felscherinow, escritora alemã. Livro autobiográfico. Retrata a vida de uma jovem que se muda para Berlim com a família. Por problemas financeiros, ela vivencia violência doméstica até a mãe se divorciar. Com a vida desestruturada, Christiane entra no mundo das drogas e da criminalidade. A situação se agrava quando ela conhece o namorado Detlef e experimenta heroína. Sua vida passa a ser um turbilhão difícil de superar. O livro resultou num livro de sucesso.

18 – Carrie – A Estranha (1974) – de Stephen King, escritor norte americano. Narra a atormentada adolescência da jovem problemática, Carietta “Carrie” White, vítima da zombaria dos colegas, professores e impedida pela mãe de levar a vida como as garotas de sua idade. Só que Carrie guarda um segredo. Um dom telecinético. No momento mais angustiante, esse dom será usado para a surpresa de todos. O livro rendeu duas adaptações para as telas e uma continuação.

19 – O Outro Lado da Meia Noite (1974) – de Sidney Sheldon, escritor norte americano. Um dos seus romances mais populares, conta a história duas mulheres diferentes. Noelle Page, filha dos bairros pobres de Marselha, e Catherine Alexander, natural de Chicago, que adora e teme os homens, ao mesmo tempo. Page se apaixona por um piloto, Larry, que foge e, depois, se casa com Catherine. A jovem francesa passa sua vida planejando uma vingança até que ela reencontra o piloto. Mas a paixão reacende e deixa a jovem num dilema que pode levar a um desfecho trágico e um julgamento surpreendente. O livro resultou numa continuação e rendeu uma adaptação para as telas.

20 – A Culpa é das Estrelas (2012) – de John Green, escritor norte americano. Uma história de amor inusitada envolvendo uma paciente com câncer de 16 anos de idade, chamada Hazel Grace, forçada por seus pais a participar de um grupo de apoio, onde posteriormente se encontra e se apaixona por Augustus Waters, de 17 anos, ex-jogador de basquete amputado. Obra popular do escritor Green, foi adaptado para o cinema, tornando-se um grande sucesso de bilheteria.

Com todas essas dicas, você pode passar muitas horas de boa leitura.

Anúncios

Publicado em 14 de março de 2015, em Caracteres e marcado como , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Suki na Ongaku

Blog com letras de minhas músicas japonesas preferidas

A Taverna

Histórias fantásticas e Dicas de Escrita!

Don Silvio

Comentando

Priscila.T.Therese Official

"we are lifelong learners " Nós somos eternos aprendizes "

enjuadinha

Momentos da vida

Livros do Coração

Resenhas de livros, filmes, teatro e cultura em geral

felicisses.wordpress.com/

Compartilhando coisas legais!

Entre nos Mundos

Compartilhando as minhas visitas em outros mundos.

Just One More

Café, Livros, Estudos e Mundo

Uma borboleta leitora

Como borboletas, voamos pelas páginas dos livros...

Liberte-se.

Meu nome é Hellen, tenho 18 anos e aqui escrevo sobre coisas que me interessam.

Emilly Vass

Blog Literário

Literatura Doccar

Blog Literário

Auê Cultural

A casa de todos, de todas as tribos

Vendas Digitais

Curta, compartilhe e deixe seu e-mail

Contos Noturnos

Contos da amante noturna

%d blogueiros gostam disto: