Filme nacional Que Horas Ela Volta? vence prêmio no Festival de Berlim

Second_Mother

Que Horas Ela Volta? , filme da diretora Anna Muylaert (É Proibido Fumar) vem fazendo uma carreira nos festivais bastante celebrada. As atrizes Regina Casé e Camila Márdila venceram o prêmio especial do júri na categoria atuação no Festival de Sundance (Saiba mais detalhes aqui). Na sessão de exibição no Festival de Berlim, o filme foi ovacionado durante quase todos os créditos finais e os aplausos continuaram com a chegada da diretora e do elenco ao palco, segundo o site Omelete. Ainda em Berlim, o filme venceu o 17º prêmio de Juri Popular da Mostra Panorama do Festival. Um dos prêmios mais difíceis de ser alcançado. Também foi considerado o melhor filme pela Confédération Internationale des Cinémas d’Art et d’Essai – CICAE (Confederação Internacional de Cinemas de Arte e Ensaio). A CICAE reúne 3 mil representantes de salas dedicadas aos cinemas de arte, participa de 15 festivais internacionais e está associada a distribuidores de pelo menos 30 países, o que certamente irá estimular o interesse mundo afora pelo filme brasileiro no disputadíssimo mercado internacional.. Os demais filmes premiados no Festival foram escolhidos pelo júri liderado pelo diretor norte americano Darren Aronofsky (Cisne Negro).

A diretora Muylaert comemorou o prêmio: “Os sete minutos de aplausos fervorosos no final da sessão de abertura do nosso filme no Zoo Palast 1 na 65ª Berlinale não me deixaram dormir por vários dias”.  Outros filmes brasileiros que também ganharam destaque no Festival esse ano foram, “Sangue azul”, de Lírio Ferreira, “Ausência”, de Chico Teixeira e “Jia Zhang-ke, um homem de Fenyang”, de Walter Sales.

Central do Brasil (1998) de Walter Salles foi o primeiro filme brasileiro a vencer o Urso de Ouro no Festival de Berlim. Conquistou também o Urso de Prata para a atriz Fernanda Montenegro e o Prêmio de Juri Ecumênico. Tropa de Elite (2007) foi o segundo filme a levar o Urso de Ouro do Festival. Conheça todos os filmes brasileiros que se destacaram no Festival de Berlim.

“Sinhá Moça” (1953)
“Os Fuzis” (1964)
“Brasil Ano 2000” (1969)
“Toda Nudez Será Castigada” (1973)
“A Queda” (1978)
“Pra Frente Brasil” (1982)
“A Hora da Estrela” (1986)
“Vera” (1986)
“Dias Melhores Virão” (1990)
“A Terceira Margem do Rio” (1994)
“O Que é Isso, Companheiro?” (1997)
“Central do Brasil” (1998)
“O Ano em que Meus Pais Saíram de Férias” (2006)
“Tropa de Elite” (2007)

No ano passado, o Brasil também abriu espaço na mostra Panorama do Festival de Berlim com o filme “Hoje eu quero voltar sozinho”, de Daniel Ribeiro, que ficou em segundo lugar na escolha do público e levou o Prêmio da Fipresci (Federação Internacional de Críticos de Cinema), também conhecido como o prêmio da crítica da Mostra Panorama. O filme de Ribeiro ganhou, ainda, o troféu Teddy (para produções de temática LGBT) da Berlinale de 2014.

Anúncios

Publicado em 17 de fevereiro de 2015, em Tapete Vermelho e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 6 Comentários.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

The WordPress.com Blog

The latest news on WordPress.com and the WordPress community.

O Tudo

Para conhecer diversas curiosidades sobre tudo

Suki na Ongaku

Blog com letras de minhas músicas japonesas preferidas

Roberto Luiz Ribeiro

Poesia alternativa-marginal-independente e gratuita

A Taverna

Histórias fantásticas e Dicas de Escrita!

Don Silvio

Comentando

Codéx Secreto Blog

"we are lifelong learners " Nós somos eternos aprendizes "

enjuadinha

Momentos da vida

Livros do Coração

Resenhas de livros, filmes, teatro e cultura em geral

Felicisses

Um pouco sobre livros, filmes, séries e assuntos aleatórios.

Entre nos Mundos

Compartilhando as minhas visitas em outros mundos.

Uma borboleta leitora

Como borboletas, voamos pelas páginas dos livros...

Liberte-se.

Meu nome é Hellen, tenho 18 anos e aqui escrevo sobre coisas que me interessam.

Emilly Vass

Blog Literário

Literatura Doccar

Blog Literário

Auê Cultural

A casa de todos, de todas as tribos

Contos Noturnos

Contos da amante noturna

%d blogueiros gostam disto: