China exagera no perfeccionismo em Olimpíadas 2008

A face e a voz

A face e a voz

Com US$ 40 bilhões de dólares investidos nos Jogos Olímpicos de Pequim, o governo chinês mostrou disposição para realizar um espetáculo inesquecível de beleza, harmonia e perfeição, mesmo que para isso tenha escondido certos detalhes debaixo do tapete. Na maior nação socialista do planeta, essa busca pela perfeição rompeu os limites do bom senso, ainda durante a cerimônia de abertura quando, por decisão do governo, a jovem chinesa Yang Peiyi, 7 anos, dona de uma voz invejável, foi substituida por Lin Miaoke, 9 anos, considerada mais bonita. Entretanto, sem a voz perfeita, Miaoke apenas dublou Peiyi e todos acreditaram que Miaoke cantava o “Hino da Pátria” para uma platéia de 90 mil pessoas no estádio Ninho do Pássaro, além de espectadores no mundo inteiro que acompanhavam hipnotizados pela televisão. O diretor musical da cerimónia de abertura, Chen Qigang, admitiu a fraude.

Sara Ramos do Blog Infinitos Momentos comentou: “Aquela imagem de perfeição que a China queria transmitir com o espectáculo de abertura dos Jogos Olímpicos foi estudada ao pormenor, de forma a que não houvessem falhas. Foi tudo tão bem organizado que nos tentaram omitir certos pormenores. É uma pena que isto tenha acontecido… Na minha opinião já manchou o suficiente aquele lindo espectáculo de abertura que todo o mundo assistiu”.

Fogos virtuais

Fogos virtuais

Um espetáculo do nível de qualidade apresentado que impressionou a todos, não precisava cometer esse deslize. Muito menos maquiar os fogos de artifício lançados durante a apresentação. Por decisão do Comitê Olímpico, grande parte dos fogos lançados em torno do Ninho foram acrescentados digitalmente. O que, certamente, reduziu o brilho da festa, embora não tenha conseguido ofuscar o desenrrolar dos Jogos Olímpicos na China que ocorreram nas semanas seguintes, sem mais incidentes duvidosos. Depois das descobertas de fraude, o governo chinês realizou uma festa mais modesta na Cerimônia de Encerramento. Apesar dos tropeços, o espetáculo de abertura tornou-se um daqules momentos inesquecíveis para figurar no pódio do Pathernon Olímpico. Para quem não viu ou quer relembrar, o vídeo no You Tube reproduz fotos da cerimônia de abertura. Destaque para o atleta que flutua sobre o pergaminho para alcançar a Tocha Olímpica. Confira:

Leia mais sobre as Olimpíadas de Pequim em Tocha olímpica da discórdia

Publicado em 23 de agosto de 2008, em Cosmopolita e marcado como , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

The WordPress.com Blog

The latest news on WordPress.com and the WordPress community.

O Tudo

Para conhecer diversas curiosidades sobre tudo

Suki na Ongaku

Blog com letras de minhas músicas japonesas preferidas

Roberto Luiz Ribeiro

Poesia alternativa-marginal-independente e gratuita

A Taverna

Histórias fantásticas e Dicas de Escrita!

Don Silvio

Comentando

Codéx Secreto Blog

"we are lifelong learners " Nós somos eternos aprendizes "

enjuadinha

Momentos da vida

Livros do Coração

Resenhas de livros, filmes, teatro e cultura em geral

felicisses.wordpress.com/

UM POUCO SOBRE LIVROS, FILMES, SÉRIES E ASSUNTOS ALEATÓRIOS

Uma borboleta leitora

Como borboletas, voamos pelas páginas dos livros...

Liberte-se.

Meu nome é Hellen, tenho 18 anos e aqui escrevo sobre coisas que me interessam.

Emilly Vass

Blog Literário

Literatura Doccar

Blog Literário

Auê Cultural

A casa de todos, de todas as tribos

Contos Noturnos

Contos da amante noturna

%d blogueiros gostam disto: